Black Friday Ubannet

27/12/2013 às 02h15m - Atualizado em 28/12/2013 às 22h54m

Timbaúba entre as 15 cidades que receberão incentivos fiscais do Governo para instalação de indústrias

O total aprovado nesta quinta-feira (26) foi 104,6 milhões de Reais

O Governo de Pernambuco aprovou na manhã desta quinta-feira (26) a concessão de R$ 104,6 milhões em incentivos fiscais para instalação e ampliação de 29 indústrias em 15 cidades do Estado. De acordo com a Agência de Desenvolvimento de Pernambuco (AD Diper), elas devem investir um total de R$ 746,8 milhões e gerar 1974 empregos. Os investimentos integram os 43 projetos do Programa de Desenvolvimento de Pernambuco aprovados pelo Conselho Estadual de Política Industrial, Comercial e de Serviços (Condic). Além das 29 indústrias, foram contempladas oito centrais de distribuição e seis importadoras.

Boa parte dos recursos deve ir para o interior do Estado. Dos investimentos, a serem realizados pelas indústrias, R$ 283,1 milhões ficarão na Região Metropolitana do Recife (RMR), enquanto R$ 463,6 milhões irão para outras regiões do Estado. Dentre os empregos, apenas 645 serão gerados no Grande Recife, enquanto 1329 devem ser gerados no interior do Estado.

“Estamos seguindo a determinação do povo pernambucano, que é interiorização e desenvolvimento”, discursou o secretário Márcio Stefanni, títular da Pasta de Desenvolvimento Econômico. Provável adversário do PSB nas eleições de 2014, o senador Armando Monteiro tem utilizado a diferença entre o desenvolvimento do interior e da RMR para criticar a gestão do governador Eduardo Campos (PSB).

O maior benefício, da ordem de R$ 56,5 milhões, será destinado à Engarrafadora Igarassu, que fará uma ampliação com o desenvolvimento de novas linhas de produtos. Em contrapartida, a empresa deve investir 247 milhões em todo o processo de reformulação. Ficando em segundo lugar na lista de investidores.

O maior investimento deve ser da ampliação da Mineração Floresta, que irá desembolsar R$ 395,3 milhões para se instalar no município homônimo. Para a empresa, o Governo ofereceu um incentivo de R$ 17,4 milhões.

Além de Floresta, outros oito municípios do interior serão beneficiados pelo Prodepe: Caruaru, Timbaúba, Escada, Gravatá, Vitória de Santo Antão, Pombos, Limoeiro e Petrolina. Já com a excessão de Igarrassu, cinco cidades receberão empreendimentos na RMR: Recife, Moreno, Jaboatão dos Guararapes, São Lourenço da Mata e Paulista.

Comentários

Outras notícias