Black Friday Ubannet

19/12/2017 às 06h25m - Atualizado em 20/12/2017 às 19h34m

Jovem grávida é morta pelo marido dois dias antes do parto

O corpo de Daiane Reis Mota, de 25 anos, foi encontrado no último domingo 917). Ela foi morta com um tiro na nunca e o marido disse que o motivo foi ciúmes.

gravida_morta_pelo_marido

Mais um caso de feminicídio assustou a sociedade. A jovem Daiane Reis Mota, de 25 anos, foi encontrada morta grávida de 9 meses neste domingo (17), em Serrinha, na Bahia. O autor do crime foi o marido da vítima, Adilson Prado Lima Júnior, que confessou ter matado a mãe do seu filho por conta de ciúmes.  

Segundo a Polícia Civil, o suspeito revelou que encontrou mensagens de texto no aplicativo WhatsApp do celular da vítima. O conteúdo das mensagens não foi informado. Adilson Prado Lima Júnior foi preso no fim da tarde de domingo.

O parto de Daiane, de acordo com a polícia, estava marcado para esta segunda-feira (18). O bebê que ela esperava não sobreviveu. 

Ele foi indiciado pelo crime de feminicídio e deve ser levado ao presídio de Serrinha
 
Crime

A polícia aponta que Adilson Prado matou a mulher com um tiro na nuca, na tarde do sábado (16), depois de ter chamado Daiane para comprar um terreno. Inicialmente, ele denunciou à polícia e contou à família de Daiane que ela estava desaparecida após ficar em uma loja para fazer comprar, mas depois acabou confessando o crime.

O corpo de Daiane foi encontrado em um matagal no povoado e Murici, na manhã do domingo. Ciclistas que faziam trilhas no local viram a jovem morta e acionaram a polícia.

O suspeito também afirmou que escondeu o celular da vítima para dificultar a identificação do corpo.

Daiane Reis foi sepultada na manhã desta segunda-feira sob forte comoção de familiares e amigos.

Redes sociais

Foto: Reprodução/ Facebook

Nas redes sociais, Daiane Reis postava declarações de amor para Adilson e em algumas fotos eles aparecem comemorando a gravidez. Nas fotos, mensagens de tristeza e indignação com o caso.

Comentários

Outras notícias