Black Friday Ubannet

27/11/2016 às 09h28m

Náutico perde do Oeste (SP) e segue na Série B do Brasileiro

Em 5º, Alvirrubro entrou apático no primeiro tempo, tomou dois gols e não teve forças para virar o placar adiando, mais uma vez, o sonho de voltar à elite do futebol nacional

Apático, principalmente no primeiro tempo, o Náutico foi surpreendido pelo Oeste (SP), neste sábado (26), na Arena de Pernambuco, e perdeu uma grande chance de voltar à Primeira Divisão nacional. Os paulistas, com competente toque de bola, fizeram 2x0 e, no segundo tempo, apenas administraram o resultado para buscar os pontos necessários para manter-se na Segundona. É bom ressaltar, ainda, que a vitória do Atlético Goianiense sobre o Bahia por 2x1, em Goiás, favorecia o Timbu na busca pelo acesso.

Quando a bola rolou, o Náutico mostrou que estava disposto a buscar o ataque para tentar abrir logo o marcador. Logo aos dois minutos, Gastón tabelou com Bergson entrou pela esquerda e chutou. A bola passou por cima do travessão. Aos quatro, foi a vez de Vinícius receber de Rony e soltar a bomba. A bola foi para fora.

Rodando a bola como de praxe, o Oeste conseguiu a primeira boa chegada, aos 11 minutos. Léo Artur recebeu na área e chutou no canto esquerdo. Julio Cesar salvou de ponta de dedos. Aos 17, o time paulista mais uma vez ameaçou. Marquinho entrou pela direita e, mesmo sem ângulo, bateu cruzado. A bola passou pela frente do gol de Julio Cesar.

A resposta alvirrubra veio dois minutos depois. Rony recebeu lançamento e, de cabeça, tentou encobrir o goleiro Felipe Alves. Mas o jogador do Oeste fez bela defesa, evitando o primeiro gol do Timbu. Como não fez, o Náutico acabou levando o primeiro. Aos 21 minutos, Crysan deu bom passe para Pedro Carmona na área. O meia, livre de marcação, chutou no canto esquerdo de Julio Cesar e fez 1x0 para o Oeste. Aos 25, Pedro Carmona entrou pelo meio e chutou forte. Julio Cesar defendeu.

Depois do lance, o jogo ficou mais pegado no meio e, só aos 36, os visitantes quase ampliaram o placar. Crysan recebeu na área e chutou. Julio Cesar salvou com os pés. Aos 39, porém, Carmona cobrou escanteio e a bola sobrou para Mike mandar para o fundo do gol: 2x0.

No segundo tempo, o Alvirrubro voltou com Esquerdinha e Léo Santos nos lugares, respectivamente, de Vinícius e Bergson. Mesmo com as mexidas, o Náutico demorou a reagir. Só aos sete minutos, Rony mandou para a área e Esquerdinha chutou em cima da defesa. Aos 11, Léo Santos chutou e a bola passou raspando a trave direita de Felipe Alves.

Melhor, o Timbu chegou novamente com perigo em chute forte de Rafael Pereira da intermediária. O goleiro da equipe paulista evitou o pior. Aos 16, Rony recebeu de Esquerdinha, entrou livre na área e chutou. Felipe Alves salvou mais uma.

Aos 22, Givanildo Oliveira colocou Jefferson Nem em lugar de Marco Antônio na última tentativa tornar a equipe mais ofensiva. Aos 25, Esquerdinha recebeu de Rafael Pereira e chutou. Bem colocado, Felipe Alves fez a defesa. Perto do fim da partida, torcedores ainda invadiram o gramado prejudicando o andamento do jogo. De quebra, o Náutico mostrou abatimento na reta final da etapa final e não teve mais forças para buscar o único resultado que lhe interessava: a vitória.

As informações são de Márcio Cruz/Comunicação Náutico

Comentários

Outras notícias