Black Friday Ubannet

20/11/2017 às 03h30m - Atualizado em 20/11/2017 às 03h34m

Em Pernambuco, Geraldo Alckmin quer apoio do PSB para eleições de 2018

No Recife, o governador de São Paulo apresentou propostas para a área de segurança, além de propor uma reforma tributária.

geraldo_alckmin 

De passagem por Pernambuco para tentar angariar apoio em torno de sua pré-candidatura presidencial e para tentar costurar alianças visando as eleições do próximo ano, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), terá um encontro com a ex-primeira-dama e viúva do ex-governador Eduardo Campos, Renata Campos. O objetivo é tentar usar a influência da ex-primeira-dama junto ao PSB para tentar conquistar o apoio dos socialistas à sua postulação. "Claro que queremos aliança com o PSB, agora isso não depende só de nós", disse Alckmin.

No Recife, o tucano apresentou propostas para a área de segurança – Pernambuco é considerado atualmente um dos estados mais violentos do Brasil -, além de propor uma reforma tributária. Em nível estadual o PSDB está na oposição ao governo Paulo Câmara (PSB) desde o ano passado, quando o partido foi expulso da gestão e os socialistas ensaiaram reuma aproximação com o PT.

"Não tenho informações sobre isso, mas independente de qualquer coisa tenho muito apreço pelo PSB", tentou desconversar Alckmin quando questionado sobre o assunto. O vice de Alckmin no governo paulista é o socialista Mário França.

Comentários

Outras notícias