Black Friday Ubannet

19/11/2016 às 12h21m - Atualizado em 19/11/2016 às 12h33m

Deputado Roberto Freire é o quinto pernambucano a assumir uma pasta no governo Michel Temer

Presidente nacional do PPS, novo ministro da Cultura, aceitou assumir o cargo logo após o pedido de demissão de Marcelo Calero

Roberto Freire foi um dos maiores defensores do impeachment de Dilma

O deputado Roberto Freire (PPS) será o quinto pernambucano a assumir uma pasta no governo Michel Temer (PMDB). Nesta sexta-feira (18), o parlamentar, presidente nacional do PPS, foi anunciado como novo ministro da Cultura.

Freire assumir o cargo depois do pedido de demissão do agora ex-ministro Marcelo Calero. A sua saída ocorreu por ter divergências com integrantes do atual governo. Roberto Freire foi um dos maiores defensores do impeachment da presidenta Dilma Rousseff (PT).

Em entrevista à Folhapress, Roberto Freire disse ter sido pego de surpresa com o telefonema do presidente Michel Temer, no final da tarde desta sexta-feira (18). "Foi surpresa. Não tem muito o que discutir", disse Freire à reportagem.

Freire estava em Brasília quando recebeu o telefonema de Temer, que está em São Paulo. Eles ficaram de se reunir na segunda-feira (21). Temer não explicou a Freire a saída de Calero. "Não explicou nem perguntei", disse Freire.

Pernambucano, Roberto Freire já havia sido convidado por Temer para ficar responsável pela Cultura no início do governo, quando a área ficaria restrita a uma secretaria

Com informações da Folha de Pernambuco

Comentários

Outras notícias