Black Friday Ubannet

08/11/2016 às 12h37m - Atualizado em 08/11/2016 às 12h42m

Quase 35 mil benefícios do Bolsa Família foram cancelados em Pernambuco por irregularidade

O Bolsa Família é pago para famílias extremamente pobres. Pernambuco é o segundo estado com maior número de cancelamentos, só perdendo para a Bahia.

Dos 469.612 benefícios do Bolsa Família cancelados no Brasil após pente-fino do governo federal, 199.273 foram no Nordeste. Foi também na região Nordeste, que houve o maior número de bloqueios: 304.952 dos 654.427 totais.

O governo Temer afirma que a renda dessas pessoas, era superior à exigida para direito ao benefício. Treze mil famílias identificadas como doadoras de campanha eleitoral , na prestação de contas de candidatos, neste ano, tiveram seus benefícios bloqueados. Até a fiscalização eram pagos cerca de 13,9 milhões de benefícios.

Além dos cancelamentos e bloqueios, 1,4 milhões de famílias foram convocadas para averiguação cadastral.

Em Pernambuco, o governo federal determinou o cancelamento de 34.749 benefícios, sendo o segundo estado com o maior número. Na Bahia, 55.624. Foram bloqueados 47.481 benefícios em Pernambuco, também o segundo estado com mais bloqueios. Foram 77.028 na Bahia.

O pente-fino teve início em junho deste ano. O Bolsa Família é pago, de acordo com fatores como número de pessoas e a idade, para famílias extremamente pobres (renda per capita mensal de até R$ 85) e pobres (rendas per capita mensal entre R$ 85,01 e R$ 170) que cumpram compromissos com a educação e saúde.

Comentários

Outras notícias