Black Friday Ubannet

03/11/2016 às 10h54m - Atualizado em 03/11/2016 às 10h57m

Sindicato dos Bancários volta a denunciar a falta de segurança em Pernambuco

De acordo com o Sindicato, foram registrados neste ano 13 assaltos, seis sequestros, 29 explosões, 13 arrombamentos, 128 ataques aos terminais de autoatendimento

O Sindicato dos Bancários voltou a denunciar nesta terça-feira (1º) a falta de empenho dos órgãos de segurança de Pernambuco no sentido de combater as quadrilhas que continuam explodindo caixas eletrônicos no interior do Estado.

Segundo a entidade, entre janeiro e outubro deste ano já foram registradas em Pernambuco 248 ações violentas contra bancos.

Na madrugada desta terça-feira, as agências do Banco do Brasil e do Bradesco do município de Pedra (sertão central) explodidas. Isto, segundo o secretário de Assuntos Jurídicos do Sindicato, João Rufino, vai sobrecarregar a agência do BB de Arcoverde.

De acordo com levantamento do Sindicato, foram registrados no curso deste ano 13 assaltos, seis sequestros, 29 explosões, 13 arrombamentos, 128 ataques aos terminais de autoatendimento instalados fora das agências, 18 ataques a agências dos Correios, 36 ações em casas lotéricas e cinco explosões de carros-fortes.

Os bancos mais atacados são Banco do Brasil (BB), Caixa Econômica Federal (CEF), Bradesco e Santander. As ocorrências foram registradas em todas as regiões do Estado, atingindo 39 municípios.

As informações são do Blog do Inaldo Sampaio

Comentários

Outras notícias