GB Bateiras

09/10/2014 às 00h15m - Atualizado em 09/10/2014 às 00h27m

Eduardo Jorge e Pastor Everaldo declaram apoio a Aécio Neves

Ambos fizeram o anúncio durante um ato político que se realizou no Memorial JK, em Brasília, com a presença do próprio Aécio

Foto: Os ex-candidatos Eduardo Jorge e Pastor Everaldo declaram apoio a Aécio NevesAmbos fizeram o anúncio durante um ato político que se realizou no Memorial JK, em Brasília, com a presença do próprio Aéciohttp://goo.gl/xxu6E3

Os ex-presidenciáveis Eduardo Jorge (PV) e Pastor Everaldo (PSC) declararam apoio nesta quarta-feira (8) apoio à candidatura de Aécio Neves (PSDB) no segundo turno da eleição presidencial.

Ambos fizeram o anúncio durante um ato político que se realizou no Memorial JK, em Brasília, com a presença do próprio Aécio e de outros políticos que irão apoiá-lo em desacordo com os seus partidos.

É o caso dos senadores Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE) e Cristovam Buarque (PDT-DF) e do governador eleito do Mato Grosso, senador Pedro Taques (PDT).

Eduardo Jorge, que recebeu mais de 630 mil votos no primeiro turno, fez críticas ao programa de governo de Aécio por não incluir pontos considerados “vitais” para o Partido Verde.

No entanto, disse ele é ele quem reúne melhores condições para governar o país nessa hora de crise.

Já o Pastor Everaldo declarou que Aécio representa a “verdadeira mudança”, sendo também o candidato mais preparado para combater a corrupção.

Além do PV e do PSC, Aécio também recebeu o apoio do PPS e do PSB.

Também participaram do ato de apoio à candidatura de Aécio os governadores reeleitos Beto Richa (PR) e Geraldo Alckmin (SP) e os senadores eleitos Tasso Jereissati (CE) e José Serra (SP), todos do PSDB.


Com informação do Blog de Inaldo Sampaio

Comentários

Outras notícias