Black Friday Ubannet

07/10/2016 às 10h44m

Adolescente sofre estupro coletivo dentro da Casem

Seis internos da Casa de Semiliberdade de Caruaru cometeram o crime. Unidade é ligada à Funase; suspeitos e vítimas eram internos da Casem.

Um adolescente de 17 anos foi vítima de estupro coletivo na madrugada da terça-feira (4) dentro da Casa de Semiliberdade (Casem) de Caruaru, no Agreste de Pernambuco. A unidade é ligada à Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase). O delegado do caso, Luiz Bernardo, disse ao G1 Caruaru, que seis pessoas são suspeitas de cometer o crime. "Eles [os suspeitos] negam, mas a vítima reconheceu todos", disse. Tanto o grupo de infratores quanto a vítima do estupro eram internos da unidade. O caso foi divulgado nesta quinta-feira (6).

Por meio de nota, a assessoria de imprensa da Funase informou que um adolescente da Casa de Semiliberdade (Casem) Caruaru relatou ter sido estuprado por outros seis jovens assistidos pela unidade. Segundo a vítima, o fato aconteceu após a ronda noturna da Casem. "Após tomar conhecimento do caso, a coordenação da unidade tomou todas as medidas necessárias encaminhando o jovem a uma unidade hospitalar, para realização de exames e atendimento necessários", destacou.

A assessoria da Funase ainda informou que "os socioeducandos acusados de cometer o ato foram identificados e, também, transferidos para outras casas da Fundação".

O delegado Luiz Bernardo ainda destacou que dos seis suspeitos, dois são maiores de idade e quatro são menores. De acordo com a Polícia Militar, há um infrator de 15 anos, três de 17, um de 19 e outro de 20 anos. "Os menores devem ser levados para a Funase e os maiores para uma unidade prisional", detalhou o delegado.

Comentários

Outras notícias