01/10/2014 às 13h25m - Atualizado em 01/10/2014 às 13h30m

Sub-20: Sentimentos opostos após o primeiro jogo da final

Porto venceu o Náutico por 1x0 e precisa apenas de um empate para ser campeão. Timbu vai em busca do tricampeonato.

Os sentimentos dos finalistas do Campeonato Pernambucano Sub-20 eram opostos após o primeiro jogo da final. Após vencer o jogo de ida por 1x0, no Estádio Luiz Lacerda, em Caruaru, o Porto está mais confiante. Já o Náutico lamentou a atuação, mas acredita na possibilidade de alcançar o tricampeonato.

Com o resultado, o Gavião precisa apenas de um empate para ser campeão. Se o Timbu devolver o placar, levará a disputa para as cobranças de pênaltis. Caso a vitória seja por dois ou mais gols de diferença, os alvirrubros levantarão a taça pela terceira vez consecutiva.

"Conseguimos o objetivo que era conquistar a vitória, mas não tivemos o rendimento que esperávamos. Jogamos abaixo daquilo que nós esperamos", afirmou o técnico do Tricolor do Agreste, Janduir. "Jogaremos com inteligência. O adversário vai sair mais, precisamos aproveitar os espaços", acrescentou.

O técnico do Timbu Sérgio China lamentou o gol muito cedo. Para comandante alvirrubro, a disputa pelo título do Pernambucano Sub-20 segue em aberto.

"O Porto gosta de jogar com o espaço, se você conceder, sofre um pouco. Precisamos ter os pés no chão, tranquilidade para alcançar a vitórtia. Eles possuem uma equipe bastante qualificada", declarou China.


Da Assessoria FPF

Comentários

Outras notícias