Black Friday Ubannet

24/09/2017 às 09h24m

Chave impediu que quarto tiro atingisse estudante baleada em ônibus escolar na Paraíba

Estudante de farmácia foi atingida no quadril, pescoço e perto da axila.

jovem_morto_em_jp

Uma chave impediu que a estudante universitária Lizandra de Oliveira, de 23 anos, levasse um quarto tiro, durante uma tentativa de assalto a um ônibus escolar na noite desta sexta-feira (22), em São Sebastião de Lagoa de Roça, no Agreste da Paraíba. A jovem foi atingida por três tiros: um no quadril, outro no pescoço e mais perto da axila. A chave que impediu o quarto tiro de atingir Lizandra estava no bolso dela.

O crime aconteceu na estrada entre Campina Grande e Lagoa de Roça, percurso de 20 quilômetros feito diariamente pela estudante, que está no penúltimo período do curso de farmácia em uma faculdade particular. Vinte estudantes estavam voltando de faculdades de Campina Grande para suas casas. Informações do G1 Paraíba.

Na estrada, o ônibus foi bloqueado por três homens encapuzados e armados, que estavam em uma moto. O motorista parou o veículo, porém um dos estudantes, que também é policial, reagiu, iniciando uma troca de tiros. Lizandra foi a única atingida pelos disparos. Os assaltantes fugiram sem levar nada.

Lizandra foi atendida por uma Unidade de Suporte Avançado (USA) e levada para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande em estado grave, porém estável. Em seguida, foi transferida para o Hospital Antônio Targino, onde passa por cirurgia. Segundo a irmã dela, Thays de Oliveira, as balas não atingiram nenhum órgão ou articulação.

Comentários

Outras notícias