Black Friday Ubannet

22/09/2016 às 12h30m

Em Pernambuco, Polícia Federal prende homem suspeito de praticar fraudes contra o INSS

Homem foi detido pela Polícia Rodoviária Federal, em ônibus, em Igarassu. Ele é apontado como responsável por pelo menos 25 aposentadorias ilegais.

Homem foi preso na BR-101 Norte, em abordagem a ônibus
Do G1 PE - Foto: Ascom PRF/PE

A Polícia Federal em Pernambuco apresentou, nesta quinta-feira (22), detalhes da prisão de um homem acusado de integrar um esquema de fraude contra o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS). Ele é suspeito de ter ajudado a conceder pelo menos 25 aposentadorias irregulares, em 2004, cobrando até R$ 4 mil por cada benefício ilegal.

Ex-funcionário do posto da Previdência no Pina, na Zona Sul do Recife, ele foi detido pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em uma abordagem a ônibus, na BR-101 Norte, em Igarassu, na Região Metropolitana. O mandado, expedido pela 13ª Vara Federal, continha sentença condenatória de 5 anos e 4 meses de reclusão a ser cumprida em regime semiaberto.

Aos 62 anos, o acuasado era procurado desde 2013, por estelionato. Depois de passar por exame de corpo de delito no Instituto de Medicina Legal (IML), na área central do Recife, ele seguiu para o Centro de Triagem em Abreu e Lima, na Região Metropolitana. Lá, ficará à disposição da Justiça Federal.

Esquema
O homem detido na noite de domingo (18) é suspeito de conceder irregularmente diversos benefícios de aposentadoria por tempo de serviço a segurados que não possuíam o tempo mínimo de contribuição exigido pela lei. Para isso, segundo a Polícia Federal, usava documentos falsos, fraudava requerimentos e até apresentava informações fictícias.

O esquema foi descoberto pela auditoria do Instituto. O INSS suspendeu os pagamentos e encaminhou o procedimento administrativo para que a Polícia Federal iniciasse uma investigação com vista a responsabilizar todos os envolvidos.

Comentários

Outras notícias