03/09/2017 às 10h14m - Atualizado em 04/09/2017 às 09h04m

Procuradoria Geral de PE abre seleção para contratar cinco calculistas

Remuneração é de R$ 3.300, com jornada semanal de 40 horas diárias. Inscrições seguem até 15 de setembro, por meio de entrega de formulário na sede da PGE-PE.

sede_da_mppe

Estão abertas as inscrições para a seleção simplificada para contratação de cinco profissionais para trabalhar na Procuradoria-Geral do Estado de Pernambuco (PGE-PE). As inscrições seguem até o dia 15 de setembro, para o cargo de calculista. Podem se inscrever apenas candidatos que tenham graduação completa e experiência profissional comprovada de um ano, no mínimo, na área de cálculos judiciais e trabalhistas no serviço público ou privado.

A jornada de trabalho é de 40 horas semanais, com remuneração de R$ 3.300,00. Os contratos temporários têm vigência de até dois anos, podendo ser prorrogados por iguais períodos, até o limite máximo de seis anos. O edital com as regras de inscrição podem ser acessados no portal da PGE-PE.

O processo seletivo vai ocorrer por meio de avaliação curricular, que terá caráter eliminatório e classificatório e aferirá a experiência profissional dos candidatos exclusivamente através das informações prestadas no formulário de inscrição.

As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas presencialmente ou pelos Correios, via Sedex, encaminhadas à Comissão Executora do Processo Seletivo, utilizando on Anexo IV do edital do processo seletivo. O endereço para entrega do formulário é Rua do Sol, nº 143, CEP 50.010-470, bairro de Santo Antônio, Recife-PE – Sobreloja. O horário de funcionamento é das 9h às 12h e 14h às 16h.

Do total de vagas, por função ofertadas neste edital, 5% serão reservadas para pessoas com deficiência. A seleção pública será realizada em uma única etapa, por meio de avaliação curricular, de caráter classificatório e eliminatório. A divulgação do resultado preliminar da avaliação curricular será no dia 1º de setembro e resultado final no dia 20 de setembro pelo portal da secretaria.

Do G1 PE

Comentários

Outras notícias