03/09/2017 às 09h38m - Atualizado em 04/09/2017 às 07h55m

Em Petrolina, manifestantes pedem a revitalização do Rio São Francisco

O ato começou na Praça do Galo e terminou com um abraço simbólico no Velho Chico.

petrolina_-_ponte_2

Neste sábado (2), vários homens, mulheres e crianças foram às ruas de Petrolina, no Sertão de Pernambuco, para chamar a atenção sobre os problemas enfrentados pelo Rio São Francisco. Em uma passeata, que durou cerca de 1h30 e passou pelas principais ruas do centro da cidade, os manifestantes pediam a revitalização do Velho Chico.

“ A importância do movimento é justamente essa: esclarecer a população sobre a situação crítica que se encontra o São Francisco e cobrar de nossos representantes, nossos políticos, união", explica Carlos Pereira, um dos organizadores do ato.

Entre as centenas de manifestantes, tinham pessoas de várias cidades. O advogado Francisco Vital saiu de Caruaru para participar da passeata. “Hoje nós precisamos dar um pontapé inicial para não deixarmos o rio morrer, um rio da integração nacional” destaca Francisco.

Com muitos cartazes e vestidos de branco, o grupo chamava a atenção das pessoas que estavam nas ruas. Foi assim durante todo o percurso. No final da passeata, um grande cordão humano foi formado para abraçar o Velho Chico. De acordo com Carlos Pereira, este é apenas o começo do movimento.

“ Não foi um movimento partidário, esse movimento não terminou agora, ele é contínuo. Será produzido um documento desse evento que será entregue a governadores, ao congresso nacional, governo federal. Teremos outras caminhadas, e é importante que a cada dia isso possa se avolumar para que a gente possa exigir providências efetivas para salvar o Velho Chico”

Do G1 Petrolina

Comentários

Outras notícias