Black Friday Ubannet

01/09/2018 às 17h35m - Atualizado em 03/09/2018 às 05h39m

Pernambuco: Ministério Público Estadual denuncia proprietário de bar na Zona da Mata por exploração sexual

O acusado foi preso em flagrante no dia 21 de agosto, em ação feita pelas Polícias Civil e Militar.

prostituio

Por meio da Promotoria de Justiça de Chã Grande, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) ofereceu denúncia contra o proprietário de um bar localizado em Chã Grande pelos crimes de exploração sexual de adolescentes, favorecimento da prostituição e rufianismo.

O acusado foi preso em flagrante no dia 21 de agosto, em ação feita pelas Polícias Civil e Militar. A denúncia foi feita nesta quinta-feira (30), pelo promotor de Justiça Gustavo Henrique Holanda Dias.

Durante a ação policial, foi constatado que o proprietário do bar explorava sexualmente mulheres, inclusive duas adolescente, das quais ele cobrava uma quantia para que utilizassem as dependências do bar. 

“A informação chegou por meio do disk-denúncia e pedimos a investigação do caso. Depois, recebi outra denúncia informal. As meninas confirmaram tudo”, afirmou o promotor de Justiça.

O processo tramitará em segredo de Justiça e, se condenado por todos os delitos, o acusado poderá sofrer uma pena de até 19 prisão.

Comentários

Outras notícias