Black Friday Ubannet

25/08/2016 às 15h41m - Atualizado em 25/08/2016 às 15h55m

Em Recife, polícia relaciona corpo achado em sorveteria a crime por causa de droga

Delegado acredita que o assassinato pode ter ligação com prostituição. Ele solicitou imagens de câmeras de segurança e ouvirá parentes de vítima.

O delegado Ricardo Silveira, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), iniciou nesta quinta-feira (25) as investigações sobre a morte da adolescente cujo corpo foi encontrado no jardim de uma sorveteria em Boa Viagem, Zona Sul do Recife. Segundo ele, a hipótese mais provável é que a jovem identificada como Islayne Alves da Silva Bezerra, 16 anos, tenha sido assassinada por motivos relacionados a prostituição ou drogas.

“Já sabemos algumas coisas dessa jovem. Nossa equipe está na rua em contato com familiares dela e vamos agendar um depoimento para fazer um levantamento da rotina e tentar traçar os últimos passos dela. Algumas lesões são visíveis, ela apresentava sinais de violência e isso nos permite pensar que foi algo relacionado a algum programa, droga. Infelizmente, isso é muito comum”, explicou Silveira.

O delegado acrescentou que já enviou ofício solicitando as imagens das câmeras de segurança da sorveteria Frisabor. Dois desses equipamentos são voltados para o jardim onde estava escondido o corpo da vítima.

A assessoria de imprensa da Secretaria de Defesa Social (SDS) informou que vai ceder para o DHPP as imagens registradas pela câmera de segurança instalada no cruzamento da Avenida Domingos Ferreira com a Rua Padre Carapuceiro, esquina onde fica o estabelecimento. “Além do trabalho de campo, a gente conta paralelamente com esse sistema de câmeras para nos ajudar a elucidar o caso”, observou.

Continue lendo no G1 Pernambuco

Comentários

Outras notícias