Black Friday Ubannet

17/08/2017 às 07h53m - Atualizado em 17/08/2017 às 08h05m

Timbaúba: Polícia Civil cumpre 44 mandados de prisão em ação contra tráfico de drogas e homicídios

A 'Operação Novo Tempo' foi realizada na manhã desta quinta-feira (17), e os agentes também cumpriram oito mandados contra menores infratores e 21 de apreensão domiciliar.

e38af656-969d-48d2-b1cd-0538567f8eef_-_copia_2

Deixe seu comentário no final da matéria

A Secretaria de Defesa Social através da Polícia Civil, sob a coordenação do Delegado Rodolfo Lima Cartaxo, deflagrou na manhã desta quinta-feira (17) a operação "Novo Tempo".

Outras informações sobre Timbaúba clique no link: https://goo.gl/eFVsEf

A Operação teve o objetivo desarticular três Organizações Criminosas que atuavam voltadas para prática dos crimes de: Homicídios, tentativas de homicídios, tráfico de drogas, roubos qualificados por emprego de arma de fogo e violência, porte ilegal de arma de fogo, comércio ilegal de armas de fogo e munições e organização criminosa.

As Organizações Criminosas tinham como base a cidade de Timbaúba, mas possuía ramificações com atuações em outras cidades da Zona da Mata Norte e a capital.

Foram cumpridos 44 mandados de prisão preventiva, oito mandados de busca e apreensão de adolescentes infratores e 21 mandados de busca e apreensão domiciliar.

No curso das investigações, 36 integrantes das Organizações Criminosas foram presos, além da apreensão de 19 armas e grande quantidade de drogas apreendidas.

Na execução da Operação foram empregados mais de 120 Policiais Civis, entre Delegados, Comissários, Agentes e Escrivães.

A Operação "Novo Tempo" é supervisionada diretamente pela Chefia da Polícia Civil de Pernambuco, coordenada pela Diretoria Integrada do Interior 1/ DINTER 1, com a assessoria do Núcleo de Inteligência da Zona da Mata e Diretoria de Inteligência da Polícia Civil -DINTEL.

As informações preliminares sobre a investigação e a operação foram divulgadas às 8 horas de hoje na sede da Delegacia de Polícia de Timbaúba, para onde os presos e os materiais apreendidos foram conduzidos.

Da redação do Timbaúba Agora

Comentários

Outras notícias