12/08/2016 às 22h49m - Atualizado em 12/08/2016 às 22h51m

Em Pernambuco, bandidos explodem bancos em 3 cidades na mesma madrugada

Investidas ocorreram em Condado, Ribeirão e em Inajá, no interior. Ladrões deram tiros, usaram explosivos e jogaram grampos nas ruas.

Mais uma madrugada explosões, tiros e pânico para moradores de cidades pernambucanas. Bandidos realizaram três investidas contra agências bancárias, nesta sexta-feira (12), no interior do estado. As ações aconteceram em Ribeirão, na Zona da Mata Sul, em Condado, na Zona da Mata Norte e em Inajá, no Sertão do estado. Com informações do G1PE

Foto: Bruno Grubertt/TV Globo

Em Condado, um grupo de pelo menos dez criminosos agiu com extrema violência. Eles chegaram ao banco por volta das 3h30. Usaram muitos explosivos e danificaram completamente a agência do Banco do Brasil, a única da cidade. Testemunhas relataram que os criminosos também dispararam vários tiros.

“Foram pelo menos 20 minutos de muito barulho”, afirmou uma vizinha. Na fuga, saíram efetuando disparos no meio da cidade. Quem mora perto do banco, teve prejuízo material. Com o impacto dos explosivos, paredes e muros de residências foram comprometidos e alguns chegaram a cair.

A investida contra o Banco do Brasil de Condado foi a quarta ocorrência nos últimos anos. Das outras vezes, informaram os moradores, os bandidos arrombavam caixas eletrônicos. Desta vez, no entanto, eles acreditam que os bandidos queriam levar o dinheiro do cofre. "Agora a gente vai ter que procurar o banco de Goiana ou de Aliança", pontuou uma moradora do município. Os suspeitos ainda não foram presos, mas dois carros abandonados foram encontrados no município de Itaquitinga, na Mata Norte, e há suspeita de que os veículos tenham sido utilizados pelos assaltantes.

Foto: Danilo César/TV Globo

Em Ribeirão, os criminosos explodiram caixas eletrônicos do Santander. Também tentaram arrombar uma agência do Bradesco, sem sucesso. Como em ações semelhantes registradas no estado, nos últimos meses, jogaram grampos de metal nas ruas e estradas para tentar impedir ou retardar a chegada da polícia.

No Santander, houve destruição do prédio. Em junho, a mesma agência tinha sido alvo dos ladrões. No Bradesco, apenas a porta foi forçada. Na fuga, os ladrões queimaram um veículo, que foi deixado numa estrada de barro, às margens da BR-101. As residências próximas à agência ficaram sem energia, mas o fornecimento elétrico foi retomado por volta das 11h. Por meio de nota, as assessorias dos dois bancos afirmaram estar colaborando com as investigações policiais.

Foto: Divulgação/Puan Guerra

Em Inajá, o grupo de criminosos explodiu a agência bancária do Banco do Brasil na madrugada desta sexta-feira (12). De acordo com a Polícia Militar, cerca de dez homens armados participaram da ação. Eles entraram pela parte de trás do banco e utilizaram explosivos, segundo a PM. Também conforme informou a polícia, os criminosos arrombaram o caixa-forte da agência e um caixa eletrônico com um maçarico. Segundo a PM, o grupo levou uma quantia em dinheiro - ainda não informada - do banco. Os criminosos fugiram e ainda não foram localizados.

Comentários

Outras notícias