Black Friday Ubannet

25/07/2018 às 01h04m - Atualizado em 25/07/2018 às 08h06m

Estudante pernambucana é morta a tiros na Nicarágua

Natural de Vitória de Santo Antão, Raynéia Gabrielle Lima cumpria a última etapa da formação em medicina no país e pretendia retornar ao Brasil

morta_na_nicaragua

A estudante de medicina pernambucana Raynéia Gabrielle Lima foi morta a tiros na noite desta segunda-feira (23) em Manágua, capital da Nicarágua. A morte foi confirmada pela Embaixada do Brasil no país. Ela voltava da casa de uma amiga quando o carro onde estava teria sido metralhado. O seu namorado, que vinha em outro veículo logo atrás, prestou os primeiros socorros e chegou a levá-la para um hospital, mas ela morreu logo depois dar entrada na unidade.

Natural de Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata de Pernnambuco, Raynéia estudou na Universidade Americana (UAM) e completaria 32 anos em agosto. Ela cumpria o internato, fase final da formação universitária, no hospital Carlos Roberto Huembes e planejava voltar ao Brasil após concluir a graduação.

Saiba Mais
“Interromperam o sonho da minha filha”, diz mãe de estudante morta na Nicarágua

De acordo com o relato publicado no Twitter pela Coordinadora Universitaria, uma agremiação de estudantes universitários de oito universidades nicaraguenses, Raynéia voltava para casa depois de um plantão quando foi atingida pelos tiros perto do Colégio Americano. Os disparos teriam sido efetuados por paramilitares que tomaram o campus da Universidade Nacional Autônoma da Nicarágua. Em entrevista na televisão local, o reitor da UAM, Ernesto Medina, contou que a jovem foi vítima de “uma bala que atingiu o coração, o diafragma e parte do fígado”.

O país vive uma onda de violência e protestos que pedem pela saída do presidente Daniel Ortega. A repressão do governo aos manifestantes é dura e ao menos 360 pessoas já foram mortas desde abril, a maior parte civis. As universidades do país estão sem aulas desde abril.

Ortega nega que tenha autoridade ou controle sobre grupos paramilitares que atuam com violência na repressão aos manifestantes. Segundo o presidente, são eles os responsáveis pelos homicídios nos últimos meses, e não as forças do governo nicaraguense. Ortega também disse que os paramilitares estariam sendo financiados por grupos oposicionistas e por “interesses estrangeiros”.

A declaração contradiz o que é apontado por organizações internacionais e instituições nicaraguenses de defesa dos direitos humanos. Na semana passada, a Organização dos Estados Americanos (OEA) aprovou um resolução que condena as violações aos direitos humanos cometidas pelas forças policiais do país e por grupos políticos partidários do governo.

Raynéia queria deixar a Nicarágua

Segundo postagens nas suas redes sociais, a pernambucana queria sair da Nicarágua. No último sábado (21), Raynéia publicou no Facebook a foto de seu animal de estimação, Alfe, no intuito de conseguir uma nova casa para o mascote, já que ela deixaria o país. “Por causa da viagem, Alfe, 2 anos, está procurando um novo lar. Muito brincalhão, carinhoso e bom em ficar em casa”, dizia o post.

Nas redes sociais, amigos da pernambucana lamentaram sua morte. Segundo comentários, Raynéia era uma jovem lutadora, forte e alegre. “Você veio a este país em busca de realizar o seu sonho, se apaixonou pela beleza da Nicarágua, acolheu este país como sua segunda casa e ganhou o carinho de muitos. Você lutou o suficiente para seguir em frente e aprendeu outra língua, o que não foi fácil para você. Você era uma grande amiga, uma ótima companheira, uma excelente pessoa, uma ótima colega. Eles tiraram seus sonhos, quando faltavam apenas meses para alcançar seu objetivo. Agora você é um anjo que brilha no céu. Um abraço no céu, Ray. Nós sempre levaremos você em nossos corações “, escreveu um de seus amigos.

“Você sempre estará no meu coração. Foi um privilégio ter compartilhado tantos momentos lindos com você, nunca esqueceremos aquele sorriso tão contagiante e aquele ‘portunhol’ que era tão seu. Eu te envio muito amor e boas vibrações onde quer que você esteja, já que você é parte do universo infinito. Voe alto como sempre fez na terra, Raynéia Gabrielle. Nós te amamos imensamente. Nunca nos esqueceremos de você”, disse outro.

Portal OP9

Comentários

Outras notícias