Black Friday Ubannet

18/07/2015 às 20h55m - Atualizado em 19/07/2015 às 12h02m

Raul Henry assume presidência do PMDB em PE

O vice governador assume o posto com a saída de Dorany Sampaio

O vice-governador de Pernambuco, Raul Henry (PMDB), assumiu, neste sábado (18), a presidência estadual da legenda, em convenção realizada na sede da legenda, no bairro do Parnamirim. A eleição, que ocorreu sem tanto alarde, em atenção a Dorany Sampaio que deixa o cargo depois de mais de 25 anos à frente do partido por motivos de saúde e que não esteve presente, foi prestigiada, no entanto, por peemedebistas de diversas regiões do Estado.

Além de Henry para a presidência da sigla, toda a executiva estadual foi eleita em chapa única. O evento, que não contou com discurso ou festa, foi iniciado por volta das 9h e se estendeu até o início da tarde.

Estiveram presentes nomes de peso do partido, a exemplo do deputado federal Jarbas Vasconcelos, os deputados estaduais Ricardo Costa e André Ferreira, o secretário da Juventude da Prefeitura do Recife, Jayme Asfora, o secretário de Segurança Urbana do Recife, Murilo Cavalcanti, a ex-deputada Jacilda Urquiza e sua filha Izabel Urquiza, além do secretário de Habitação do Estado, Marcos Baptista.

“O PMDB vive um novo momento em Pernambuco. Nós participamos de uma aliança muito ampla que governa o Estado e a tendência é que o partido cresça e se fortaleça nesse momento. Nós estamos sendo muito procurados por lideranças do Estado inteiro. Estamos também à busca de lideranças que tenham conosco uma identificação política, tenham admiração pela história que o partido tem aqui no Estado. E a tendência é que a gente se fortaleça daqui até o final de setembro, quando se encerra o prazo de filiações. Agora, queremos que o partido cresça com consistência política, queremos que o partido cresça de maneira criteriosa. Não apenas que cresça de maneira inorgânica, de maneira desorganizada”, afirmou Henry.

O novo presidente afirmou, ainda, estar honrado de assumir a presidência, lembrou a atuação de Dorany Sampaio à frente da sigla. “Gostaria de deixar registrada a minha homenagem ao presidente Dorany Sampaio, que ficou no partido mais de 25 anos, de absoluta dedicação. Fez do partido praticamente a razão de existir dele, da luta política. E esse é um momento de homenagear ele pela luta dele aqui. Viveu momentos difíceis, fez a resistência à ditadura militar, viveu momentos bons quando nós vencemos eleições em Pernambuco, momentos de adversidades quando estivemos na oposição, mas sempre com muita coerência política. Então, a primeira palavra é de homenagem a ele. E dizer também da minha emoção de assumir essa presidência. Eu militei no PCdoB na universidade, quando o partido ainda era clandestino, mas a minha filiação formal sempre foi ao PMDB. Foi o único partido que eu tive. E ser convocado para essa missão depois de tantos anos de militância é realmente motivo de muita honra, de muito orgulho”, assegurou.

Filiados
Na página do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) consta que o PMDB, em Pernambuco, tem 51.572 filiados. Esse número pode ser diferente, no entanto, pois a legenda obteve mais filiações. Raul Henry informou, ainda, que vai fazer o levantamento de como está o partido, os diretórios municipais e a questão dos filiados.

Comentários

Outras notícias