Black Friday Ubannet

16/07/2015 às 16h03m - Atualizado em 17/07/2015 às 20h30m

Fiéis celebram Nossa Senhora do Carmo, padroeira do Recife

No total, 16 missas estão programadas durante o dia de hoje. Missa campal será presidida por dom Fernando Saburido

Ao todo, 16 missas estão programadas para esta quinta-feira. A primeira começou às 5h. Foto: Alcione Ferreira/DP/D.A Press
Ao todo, 16 missas estão programadas para esta quinta-feira. A primeira começou às 5h.

A tradição será mantida na Basílica de Nossa Senhora do Carmo. Para homenagear a padroeira do Recife, as portas do templo foram abertas antes das 5h, horário da primeira de 16 missas programadas para esta quinta-feira (16). Na véspera, ontem, foram 11 missas. O maior número de celebrações de hoje se justifica pela expectativa de fiéis, que, segundo os organizadores da festa, devem superar 50 mil pessoas. Metade está sendo esperada para a missa campal, às 15h, e para acompanhar a procissão de encerramento dos festejos.

Para comportar tantas missas, os frades carmelitas planejaram mais elebrações no claustro. Serão nove neste lugar, enquanto na basílica acontecerão sete. Na estrutura provisória, montada sob árvores centenárias, os sete frades do convento e padres convidados vão se revezar entre as 5h30 e as 13h30. As outras missas do claustro ocorrerão de 60 em 60 minutos. Entre uma e outra, os devotos poderão pagar promessa no velário eletrônico, opção aberta no ano passado e que, pelo sucesso, foi mantida.

A comerciária e devota Maria das Graças de Lima optou pelas velas tradicionais. Acendeu um maço no meio da tarde. “Vim agradecer pela proteção e as coisas boas”, revelou. Após quitar a dívida religiosa, a dona de casa Maria de Lima se deparou com a pregação de frei Damião Silva, também conhecido por cantar na missa. Ao pregar, o sacerdote levou fiéis ao choro, faltando do “manto protetor da padroeira”, que, segundo ele, protege os devotos e a cidade.

Nossa Senhora do Carmo foi declarada padroeira em 1909. Na época, os festejos em sua homenagem aconteciam há mais de dois séculos. Neste ano, os católicos realizam a 319ª festa e refletem sobre o tema “Mãe do Carmelo no Recife de ontem e de hoje, celebramos, em tua festa, o quinto centenário de Santa Teresa”. No caso, Santa Teresa D’Àvila, mística e doutora da Igreja Católica. O tema será lembrado hoje, inclusive na missa campal presidida pelo arcebispo dom Fernando Saburido.


Do Diário de Pernambuco
Foto: Alcione Ferreira/DP/D.A Press

Comentários

Outras notícias