Black Friday Ubannet

03/07/2019 às 08h06m - Atualizado em 03/07/2019 às 10h39m

Vereador de Betânia, no Sertão de Pernambuco, está entre os mortos em ação da PM na Paraíba

No confronto com a polícia, Andson Burigue de Lima, de 29 anos, foi morto

vereador_morte_tiroteioDo JC Oline

Um vereador do município de Betânia, no Sertão de Pernambuco, está entre os sete mortos de um confronto entre criminosos e a Polícia Militar na cidades de Barra de São Miguel, na Paraíba, na manhã desta terça-feira (2). Segundo a PM, os suspeitos teriam participado do assalto e perseguição que deixou um soldado morto na cidade vizinha, Santa Cruz do Capibaribe, nessa segunda-feira (1º).

Ainda de acordo com a PM, Andson Berigue de Lima, 29 anos, conhecido como "Nanaca" (PP), estava armado e efetuou disparos contra as autoridades. Nanaca foi eleito em 2016 com 482 votos, na cidade de 12 mil habitantes. 

Segundo o site do Tribunal de Justiça de Pernambuco, Andson foi autuado por porte ilegal de arma em 2017.

JC entrou em contato com o Partido Progressista, mas a assessoria informou que não há uma resposta pronta sobre o caso.

A operação desta terça

Oito suspeitos de envolvimento na morte de um policial militar em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste de Pernambuco, nessa segunda-feira (1º), foram mortos durante confronto com a Polícia Militar (PM) entre Barra de São Miguel e Riacho da Conceição, ambas cidades da Paraíba, na manhã desta terça-feira (2).

Segundo a PM, seis homens e duas mulheres foram mortos na operação. Entre os homens está um vereador de Betânia, município no Sertão do Estado. Os corpos foram levados para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Santa Cruz do Capibaribe.

A operação foi integrada e contou com a participação das PMs de Pernambuco e da Paraíba. Dois helicópteros do Grupo Tático Aéreo (GTA) deram apoio à ação policial.

Relembre o caso

Um policial morreu e outro ficou ferido após uma perseguição com troca de tiros, na manhã desta segunda-feira (1º), em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste. De acordo com informações da Polícia Militar, os policiais do 24º Batalhão da PM (responsável pela área) faziam ronda de rotina no local, quando houve o assalto a uma casa lotérica. 

Comentários

Outras notícias