Black Friday Ubannet

21/06/2017 às 20h09m - Atualizado em 22/06/2017 às 06h57m

Evento público ou privado? Burguesia x proletariado

São João 2017 de Timbaúba será dividido em classes sociais. No local do evento, de um lado a elite timbaubense e do outro a população em geral que terá o direito de se divertir limitado.

sao_joao_1

O que estamos prestes a presenciar no São João de Timbaúba é uma situação complicada, séria e lamentável. O que irão adotar em uma festa tão linda e tradicional é uma separação por classe social. Por favor respondam a população de Timbaúba senhores organizadores do evento, estão tentando separar a burguesia do proletariado? Vocês estão indo totalmente ao contrário do que se mais pede no mundo moderno que é a igualdade entre pessoas. No mundo não existe mais espaço para exclusão social. Toda a população de Timbaúba, do mais ao menos favorecido, tem o direito de ir e vir em um espaço público.

Além dessa separação vergonhosa, os organizadores do evento correm, se esquivam em divulgar valores da realização do São João. Outra falta de respeito, pois pagamos impostos e temos a obrigação de sabermos onde está sendo investido o dinheiro.

A população toda se pergunta, qual será a participação da prefeitura no evento? Qual a participação do patrocinador? Quais atrações que esse patrocinador contratou para as festividades juninas?

E em relação a escolha do patrocinador oficial, quantas e quais empresas participaram da licitação? Se foi tudo feito nos trâmites legais e respeitando as leis, porque tanto mistério?

Onde está a transparência tão falada em discursos. A população está indignada em saber que o evento será cercado. As pessoas carentes praticamente serão privadas de participarem com mais tranquilidade do seu próprio evento. Como vocês veem no mapa, o lado direito do palco (visão e atendimento privilegiados) contará com a área Frontstage e camarote ouro. Do lado esquerdo, um espaço pequeno que com certeza nos shows das atrações conhecidas, as pessoas vão se espremer sem conseguir nem sair do lugar. Mas do lado estarão os "vips" que também pagam impostos assim como você, com todo espaço do mundo para dançar e sendo servidos por garçons. Do meio para frente do terreno, além da distância tem pontos cegos onde só conseguirá ver a atração de binóculos.

A explicação para ter essa área frontstage é sempre a mesma pelos organizadores do evento. Parece que combinaram para sempre falarem a mesma coisa, "Em cidades como Limoeiro, Caruaru é da mesma forma e tem frontstage e camarote. O São João desses municípios é bancado boa parte pela iniciativa privada".

Analisando dois pontos. Primeiro que as gestões desses municípios divulgam valores e procuram ser bastante transparentes com a população. E segundo, em Limoeiro não existe o frontstage, que pelo jeito foi inventado em Timbaúba para evento público. No município do Agreste é comercializado a entrada só para o camarote, o denominado "Espaço Premium". Pode conferir nesse link: http://ingressos.confiramais.com.br/espaco-premium-sao-joao-de-limoeiro

Texto: Renato Melo/Timbaúba Agora

Comentários

Outras notícias