Black Friday Ubannet

11/06/2015 às 16h02m

Federação Pernambucana de Futebol (FPF) deve realizar mudanças no formato do Pernambucano de 2016

Formato de hexagonal deve acabar e trio de ferro voltará a jogar todas as rodadas

"Pernambuco tem um estadual forte e que precisa de 16 ou 18 datas. Em hipótese alguma eu aceitarei diminuir o campeonato", disse o presidente da FPF, Evandro Carvalho

O presidente da Federação Pernambucana de Futebol (FPF), Evandro Carvalho, anunciou, ontem, em entrevista ao Jornal do Commercio, que a próxima edição Campeonato Pernambucano deve sofrer mudanças radicais em seu regulamento.

O motivo foram as datas disponibilizadas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para a realização do Estadual, que não foram bem aceitas pela entidade local. De acordo com o mandatário, algumas pendências ainda precisam ser resolvidas para concretizar as alterações.

“Vamos aguardar a reunião entre as federações nordestinas e a CBF, que vai acontecer em agosto. Nós não aceitamos as 12 datas que os outros estados querem. Pernambuco tem um estadual forte e que precisa de 16 ou 18 datas. Em hipótese alguma eu aceitarei diminuir o campeonato”, afirmou Evandro Carvalho.

Entre as principais novidades estarão o fim do formato de hexagonal, com os três clubes da capital - Sport, Santa Cruz e Náutico -, voltando a jogar a mesma quantidade de jogos das equipes do interior. Outra mudança será referente à data de início do Estadual, que começava em dezembro e passará para a segunda quinzena de janeiro.

“Ainda não dá pra bater o martelo. Se a CBF definir que vão ser 12 datas, iremos planejar o campeonato de uma forma. Se nosso pedido de 18 datas for acatado, será de uma maneira diferente. Independente disso, devem haver mudanças”, complementou.


Do JC Oline

Comentários

Outras notícias