Black Friday Ubannet

19/05/2014 às 15h32m

Governo de Pernambuco lança campanha de doação de órgãos

A ação tem como meta esclarecer e conscientizar a população sobre a importância da doação e da necessidade de informar aos familiares sobre o desejo de ser doador

A Central de Transplantes de Pernambuco vai promover, de 19 a 23 de maio, a Campanha Estadual de Incentivo à Doação de Órgãos 2014.Dados apontam que 53% das potenciais doações acabam não ocorrendo pela resistência dos parentes. Isso acontece devido ao desconhecimento da população sobre a Morte Encefálica e a necessidade de se manter a integridade do corpo após a doação. A ação, então, objetiva esclarecer e conscientizar a população sobre a importância da doação e da necessidade de informar aos familiares sobre o desejo de ser doador.

A campanha que começa nesta segunda com uma mobilização na Estação Central do Metrô do Recife. Das 8h à 12 h, técnicos da CT-PE, do Programa Estadual de DST/ Aids e estudantes da Uninassau vão entregar material informativo sobre a doação de órgãos aos usuários do Metrô, que poderão, ainda, realizar testagem rápida para Hepatites B e C, aferição de pressão e glicemia, além de receber orientações de saúde.

A ação continua na terça-feira (20), às 15h, na Fundação Joaquim Nabuco, no Derby, com palestra e exibição de filme sobre transplantes para estudantes da área de saúde. Na quarta e na quinta-feira (21 e 22), um curso Avançado de Formação de Coordenadores Intra-Hospitalares de Transplantes será ministrado pelo nefrologista e ex-coordenador da Central de Transplantes do Rio Grande do Norte, e Joel de Andrade, intensivista e coordenador da Central de Transplantes de Santa Catarina.A capacitação vai reunir profissionais de saúde de unidades públicas e privadas e será realizada no Auditório do Centro de Formação dos Servidorese Empregados Públicos do Estado de Pernambuco (Cefospe), na Boa Vista, das 8h às 12h.

Na sexta-feira (23), um documentário encerra a programação.Transplantes: a vida continua será exibido no auditório da Fundação de Aposentadoria do Estado de Pernambuco (Funape).O filme de 13 minutos mostra um pouco da história da CT-PE e o passo a passo do processo de transplantes. Além disso, através de depoimentos de pacientes que estão na fila de espera, transplantados, profissionais de saúde e familiares dos doadores.

PASSO A PASSO DA DOAÇÃO -O primeiro passo para o transplante deve ser dado pela pessoa que deseja ser doador, ao informar à família sobre sua intenção de doar. No caso de morte encefálica do paciente (o cérebro morre, mas o coração permanece batendo por algumas horas), os parentes devem procurar o médico responsável para expressar o desejo de doação. As equipes de captação de órgãos dos hospitais também conversam com as famílias para sensibilizar sobre a causa. Segundo a legislação de transplantes no Brasil, a doação de órgãos só pode ser feita se um familiar de até segundo grau autorizar.

A partir da assinatura do termo de autorização, a central encaminha o órgão para um receptor compatível obedecendo a ordem da lista única do Estado. A decisão deve ser rápida, para que o transplante seja bem-sucedido. Vale salientar que o corpo do doador não fica mutilado e que a idade não bdetermina se alguém pode ou não ser um doador. Para tirar qualquer dúvida, a CT-PE disponibiliza o telefone 0800.281.2185.

Com informações do JC Oline

Comentários

Outras notícias