Black Friday Ubannet

16/05/2014 às 14h39m

Vândalos depredam Prefeitura e Câmara de Toritama, no Agreste

Móveis, arquivos e equipamentos do Executivo foram saqueados e outros queimados. Grupo também agiu contra a residência do prefeito da cidade

Um grupo formado por centenas de manifestantes realizou protesto no final da tarde desta quinta-feira (15) em Toritama, no Agreste de Pernambuco. Durante o ato, vândalos chegaram a depredar a sede da prefeitura local e o prédio da Câmara de Vereadores. Móveis, arquivos e equipamentos eletrônicos foram destruídos e outros queimados no meio da rua.

Como no momento do ocorrido os policiais militares de Pernambuco ainda estavam em greve, apenas alguns oficiais do 24º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Santa Cruz do Capibaribe, voluntariamente, se deslocaram até a cidade para manter a ordem pública. Somente no início da noite foi que o efetivo chegou ao mancípio e conseguiu conter o grupo.

Os PMs chegaram a efetuar tiros para o alto, apenas para dispersar os vândalos que destruíram completamente a sede do Executivo e do Legislativo de Toritama. Segundo populares, a manifestação teria sido iniciada com o intuito de cobrar mais segurança, em virtude aos constantes roubos e assaltos registrados nas últimas semanas na cidade.

Grupo também agiu contra a residência do prefeito da cidade

A casa do prefeito do município Odon Ferreira (PSB) também chegou a ser depredada pelo grupo, mas não houve danos ou invasão. Em entrevista à TV Jornal, o chefe do Executivo contou que tinha chegado de uma viagem que havia feito a Brasília, e que estava surpreso com a atitude do grupo.

Dois adolescentes - um de 16 anos e outro de 17 - foram apreendedidos por crime de vandalismo e levados à 17ª Delegacia Seccional de Polícia de Santa Cruz do Capibaribe.

Uma equipe do Instituto de Criminalística (IC) vai fazer a perícia dos dois prédios depredados, para que se possa apontar os autores da ação criminosa.

BLOQUEIO - Mais cedo, no início da tarde, dezenas de manifestantes interditaram trecho da rodovia BR-104, no perímetro urbano do município. O grupo bloqueou a pista com a queima de pneus. Uma equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF) esteve no local e controlou o protesto.

Com informações da TV Jornal

Comentários

Outras notícias