Black Friday Ubannet

14/05/2014 às 06h25m - Atualizado em 14/05/2014 às 06h27m

Diante de 354 torcedores, Náutico vence América-RN mas não consegue avançar na Copa do Brasil

Foi por pouco, mas o 2×0 sobre o América-RN nesta terça-feira (13) na Arena PE eliminou o time da competição nacional

Se por um lado o Náutico não conseguiu a classificação, por outro conquistou uma vitória importante para dar um ânimo novo ao time para a sequência da Série B e viu um de seus pratas da casa se destacar mais uma vez em campo.

É evidente que esta eliminação na Copa do Brasil deixa o time um pouco frustrado, principalmente porque perdeu uma boa oportunidade de enfrentar um grande clube na próxima fase, o Fluminense, e assim, ter uma boa renda já que o público para esta partida provavelmente seria grande.

Bem diferente das 354 testemunhas que estiveram neste jogo diante do time potiguar. Mas não deu para o Timbu reverter o placar de 3×0 sofrido na primeira partida na Arena das Dunas.

Foi por pouco, mas o 2×0 sobre o América-RN nesta terça-feira (13) na Arena PE eliminou o time da competição nacional. O zagueiro Flávio foi o grande nome do jogo marcando os dois gols do time e fazendo bem o seu papel de defensor lá atrás.

Agora o Náutico passa a concentrar suas forças apenas na Série B, e já neste sábado tem um jogo difícil contra o Vasco da Gama na mesma Arena.

O jogo

Em ritmo de treino o Náutico entrou em campo com o freio de mão puxado. A forte chuva que caiu no Recife deixou o gramado da Arena PE escorregadio mas isso não pode ser usado como desculpa para o mal futebol apresentado no início do jogo.

O América-RN, tranquilo e esperando o tempo passar procurou o ataque na intenção de não dar esperanças ao adversário. Ainda com o técnico interino Sérgio China no comando, já que Disney Moraes só irá assumir o time após este jogo, o Náutico não entrou com uma formação ofensiva o bastante para encurralar o adversário.

O América entrou com apenas um atacante de ofício, Max , tendo o meia Adriano Pardal como jogador mais avançado para ajudar o camisa nove na frente. O Timbu foi tão inoperante na frente que coube ao zagueiro Flávio arriscar chutes de longe. Marcos Vinícius dividiu o papel de armador com Zé Mario, mas não conseguiu fazer muitas jogadas.

Marcelinho, isolado no ataque, saiu de campo bastante vaiado pela torcida. Nas poucas chances de gol que teve, o atacante concluiu muito mal para a ira dos torcedores.Nos segundo tempo as coisas melhoraram para o Timbu porque o técnico Sérgio China colocou o time mais ofensivo, primeiro tirou o lateral-direito Jackson e colocou o atacante Paulo Júnior, deslocando Yuri para fazer a função de lateral.

Mesmo assim o time não melhorou muito e continuou errando no último passe. Mais uma vez China alterou a equipe, sacando Marcos Vinícius que saiu cansado, e colocou o também meia Vinícius. O primeiro gol saiu aos 19 minutos na cabeçada do zagueiro Flávio. Aos 25, Flávio mais uma vez aproveitou o escanteio e marcou o segundo.

O time partiu com tudo pra cima do América na tentativa de marcar o terceiro gol que levaria o jogo para os pênalits. Desorganizado e jogando a bola na área não conseguiu grandes oportunidades.

Raí quase fez o gol salvador. Ele cobrou bem a falta mas Fernando Henrique fez uma boa defesa. Nos últimos minutos até o goleiro Alessandro foi para a área tentar o gol de cabeça, mas a bola sequer chegou perto dele.

Fim de jogo na Arena PE, Náutico 2×0 América e o time potiguar se classificou à próxima fase onde enfrenta o Fluminense.

Ficha de jogo

Náutico: Alessandro; Jackson (Paulo Júnior), Leonardo Luiz, Flávio e Raí; Elicarlos, Dê, Yuri Naves, Zé Mario e Marcos Vinícius (Vinícius); Marcelinho (Renato). Técnico: Sérgio China (interino)

América de Natal: Fernando Henrique; Walber, Cleber, Edson Rocha (Adalberto), Alex Barros, George Lucas, Jean Cléber, Fabinho, Denner (Arthur Henrique), Adriano Pardal, Max (Isac). Técnico: Oliveira Canindé.

Copa do Brasil (segundo jogo)
Local: Arena Pernambuco
Árbitro: Thiago Duarte Peixoto – SP
Assistentes: Marcio Luiz Augusto e Vicente Romano Neto (ambos de SP)
Cartões amarelos: América-RN – Walber e Adriano Pardal / Náutico – Flávio
Gols: Náutico – Flávio (aos 19 min e aos 24 min do 2°t)
Público:354
Renda: R$5.280

As informações são do Blog do Torcedor

Comentários

Outras notícias