Black Friday Ubannet

21/04/2017 às 16h31m - Atualizado em 22/04/2017 às 10h55m

População de Timbaúba está assustada com o crescimento da violência

Segundo a SDS-PE, quase 20 pessoas foram assassinadas e registrados quase 140 casos de crimes como roubos e assaltos entre janeiro e março

f9152_3

O alto índice de violência está assustando os moradores do município de Timbaúba há vários meses. Os homicídios, assaltos a estabelecimentos comerciais e as pessoas estão cada vez mais frequentes.

Apesar do esforço da Polícia Militar em tentar coibir e da Polícia Civil em instaurar inquéritos e solucionar a maioria dos casos, a violência está cada vez incontrolável. As pessoas estão com medo de sair de casa, seja para ir ao trabalho, escola ou faculdade. 

Em relação a assaltos, a polícia alertou que um dos pontos que vem inspirando mais cuidados é o trajeto da Rua Luís Marinho Falcão, em Três Cocos, após o Cemitério Santa Cruz até a Faculdade de Timbaúba. O trajeto tem vários postes apagados e os criminosos aproveitam o local que é bastante trafegado para assaltar. De acordo com informações da polícia, os assaltantes estão colocando pedras e pedaços de madeiras na via para roubar quem trafega de veículo.

A SDS-PE informou que foram registrados entre janeiro e março quase 140 casos de Crimes Violentos Contra o Patrimônio (crimes como roubos, assaltos e extorsão mediante sequestro). E há muitos casos que não foram registrados pelas vítimas que tiveram receio de sofrer qualquer tipo de retaliação. O mês de março foi com mais ocorrências, 57. Seguido por fevereiro (40) e janeiro (35). 

Até o momento, o ano de 2017 já está entre os mais violentos dos últimos 20 anos, fazendo a comparação da quantidade de homicídios. Segundo a SDS-PE, quase 20 pessoas já foram assassinadas em Timbaúba este ano. O caso mais recente que está sendo investigado pela Polícia Civil é de um homem que foi encontrado morto no lixão de Timbaúba na manhã desta sexta-feira (21). A vítima foi identificada como Diacino Fernandes da Silva. De acordo com a polícia, o corpo apresentava três perfurações de arma de fogo. 

As tentativas de homicídios são várias registradas até o momento. A ocorrência mais recente foi de Simone Maria da Silva, de 30 anos, que foi baleada várias vezes dentro da própria residência no Alto do Cruzeiro, na última terça-feira (18). Ela foi socorrida para UPA de Timbaúba e devido a gravidade dos ferimentos precisou ser socorrida para o Hospital da Restauração, no Recife. 

Nas redes sociais do Timbaúba Agora a população demonstra cada dia mais revolta com essa situação: 

comentrios_no_facebook

Comentários

Outras notícias