Black Friday Ubannet

07/03/2019 às 14h59m

Polícia Civil já está investigando denúncias de 'agulhadas' no Carnaval

Um inquérito policial foi instaurado. Corporação solicita que vítimas façam boletim de ocorrência

seringa-vacina

Do JC Oline

A Polícia Civil instaurou inquérito policial para investigar as denúncias de agulhadas durante o Carnaval de Recife e Olinda. Até o momento, a Secretaria Estadual de Saúde contabiliza 25 vítimas encaminhadas ao Hospital Correia Picanço, na Zona Norte do Recife.

Segundo a Polícia Civil, o hospital será oficiado para identificar e tomar por termo as declarações das vítimas que se dirigiram àquela unidade especializada de saúde, visto que elas não registraram as ocorrências na polícia.

A corporação também solicita que as vítimas compareçam voluntariamente e façam o boletim de ocorrência em alguma unidade. Cada caso resultará em um inquérito policial distinto. O crime investigado é o de expor a risco a vida de outrem por transmissão de moléstia grave, com pena de reclusão em regime fechado de até quatro anos.

Todos os pacientes admitidos na unidade passaram pela profilaxia pós-exposição (PeP), tratamento usado na prevenção da infecção pelo HIV. Eles foram liberados após avaliação médica, com a orientação de retorno após 30 dias para conclusão do tratamento.

Comentários

Outras notícias