Black Friday Ubannet

14/02/2019 às 09h34m - Atualizado em 14/02/2019 às 09h35m

Rio Grande do Norte: 800 militares do Exército fazem operação para garantir transferência de presos para penitenciária federal

Efetivo foi autorizado por meio de decreto publicado na edição desta quarta (13) do Diário Oficial da União. Tropa deve ficar no entorno do presídio até o dia 27.

exercito

Militares do Exército devem ficar em Mossoró até o dia 27 

Oitocentos militares do Exército brasileiro realizam nesta quarta-feira (13) uma operação de segurança para a transferência de detentos para a Penitenciária Federal de Mossoró, na região Oeste potiguar. Os detentos chegam ao Rio Grande do Norte vindos de presídios em Presidente Venceslau e em Presidente Bernardes, no interior de São Paulo.

O desembarque deve acontecer ainda nesta tarde. Contudo, ainda não se sabe quantos virão nem quem são os presos. A operação foi batizada de 'Tranca Forte'. Das duas unidades de São Paulo saíram 22 presos.

Os militares devem permanecer em Mossoró até o dia 27, segundo publicação feita no Diário Oficial da União na edição desta quarta.

O decreto, assinado pelo presidente Jair Bolsonaro, ainda prevê reforço de tropas federais para a Penitenciária Federal de Porto Velho, em Rondônia, que também deve receber parte dos presos.

E uma outra parte dos detentos segue para a Penitenciária Federal de Brasília, que fica no Complexo Penitenciário da Papuda.

A transferência de integrantes do PCC ocorre após o governo paulista ter descoberto um plano de fuga para os chefes e ameaças de morte ao promotor que combate a facção no interior de São Paulo. A facção atua dentro e fora dos presídios brasileiros e internacionalmente.

Do G1 RN

Comentários

Outras notícias