Black Friday Ubannet

14/02/2017 às 19h42m - Atualizado em 17/10/2017 às 11h07m

Timbaúba: Reunião entre MPPE, prefeitura e servidores sobre pagamentos de dezembro será realizado nesta sexta (17)

Após frustração na última reunião, ex-contratados, contratados, efetivos, aposentados e pensionistas terão um novo encontro com representantes da PMT e com o promotor Doutor João Elias.

O Ministério Público de Pernambuco através do promotor de Justiça Dr. João Elias da Silva Filho, comunica aos servidos públicos municipais, ex-contratados, contratados, efetivos, aposentados, pensionistas e a sociedade em geral, que na próxima sexta-feira (17) a equipe de finanças da prefeitura de Timbaúba irá apresentar proposta para quitação da folha salarial referente ao mês de dezembro.

No dia 26 de janeiro de 2017, após exaustiva reunião entre servidores, Promotoria de Justiça, representantes da atual e da antiga gestão municipal, funcionários prejudicados procuravam entender o porquê da nova gestão não ter efetuado o pagamento do mês de dezembro dos contratados, efetivos, aposentados e pensionista da antiga gestão, já que uma vultosa quantia oriundas dos recursos da repatriação e da antecipação do repasse do ICMS, já estaria depositado no Banco do Brasil para esta finalidade e foi bloqueado pela justiça por força de liminar atendendo solicitação do Sindicato dos Servidores Públicos de Timbaúba.

Mudança

Houve uma mudança, agora, a reunião entre o representante do Ministério Público, prefeitura e servidores foi remarcada para a sexta-feira, 17 de fevereiro, às 16h, e será realizada no auditório da Promotoria de Justiça de Timbaúba, no Bairro de Três Cocos. O site Timbaúba Agora ouviu vários funcionários ativos e inativos, ex-servidores e todos esperam sair da reunião com uma resposta concreta.

Funcionários órfãos

Na oportunidade, o Sindicato dos Servidores Públicos de Timbaúba não foi representado legalmente, já a presidente Socorro Bezerra estava se desincompatibilizando para assumir uma função inerente ao sindicato, e a sua sucessora ainda não estava apta a assumir a presidência.

Por: site Timbaúba Agora

Entenda o caso

Comentários

Outras notícias