Black Friday Ubannet

10/02/2017 às 09h36m

Veja o que muda com a aprovação da reforma do Ensino Médio

Principal mudança é a flexibilização da carga horária, permitindo que o estudante escolha as matérias que irá cursar durante o Ensino Médio

Profissionais com ''notório saber'' podem ser contratados para lecionar para o ensino técnico e profissional

O Senado Federal aprovou, na noite da última quarta-feira (8), a Medida Provisória que reforma o Ensino Médio. O texto, que já havia sido aprovado pela Câmara dos Deputados, agora vai seguir para sanção do presidente Michel Temer. A principal mudança é a flexibilização da carga horária, permitindo que o estudante escolha as matérias que irá cursar durante o Ensino Médio.

Confira, no texto abaixo, alguns pontos da reforma do Ensino Médio.

O QUE MUDA

Grade Curricular
Hoje: 13 disciplinas obrigatórias ao longo dos 3 anos.
Reforma: A cada ano, 60% da carga horária para a Base Nacional Comum Curricular e 40% para itinerários formativos.

Professores
Hoje: Somente docentes que fizeram cursos de formação de professores podem lecionar.
Reforma: docentes de "notório saber" para o ensino técnico e profissional; profissionais graduados em outras áreas, mediante cursos curtos de formação pedagógica; professores formados não só em universidades e institutos superiores, mas também em "faculdades isoladas".

Artes, Educação Física, Filosofia e Sociologia
Hoje: Obrigatórias nos 3 anos.
Reforma: A oferta é obrigatória, porém caberá ao aluno cursar as disciplinas

Divisão do ensino médio
Hoje: Em três anos.
Reforma: Percursos formativos são divididos em módulos e, especificamente no ensino técnico, há a possibilidade de conceder certificados intermediários.

Com informações do JC Online

Comentários

Outras notícias