Black Friday Ubannet

06/02/2017 às 09h30m

Sport derrota a Juazeirense por 1 a 0, pela Copa do Nordeste

O Leão venceu a partida com gol marcado por Fábio no último minuto

Ainda distante do Recife, encarando uma maratona de viagens para três jogos seguidos fora de casa, o Sport anotou mais uma vitória na conta, na Copa do Nordeste. Desta vez, em Juazeiro da Bahia, o Leão derrotou o Juazeirense por 1 a 0 com gol no último minuto, marcado por Fábio, cria da base rubro-negra.

Sob muito calor e encarando um Juazeirense bem fechado na defesa, o Sport pouco a pouco dominou. Crescendo nos finais do primeiro e do segundo tempo, o Leão conseguiu marcar após uma bela jogada que contou com passe importante de Rithely, a frieza de Diego Souza dentro da área e o posicionamento impecável do atacante Fábio. Com a vitória, o Sport segue com 100% de aproveitamento no Nordestão, já que tem dois jogos e duas vitórias, uma contra o Sampaio Correa e a outra contra o Juazeirense.

O jogo

Em Juazeiro, na Bahia, o Sport encontrou clima e adversário que deram bastante trabalho. O calor de 36º foi uma das dificuldades que o Leão encarou no estádio Adauto Moraes, além da equipe do Juazeirense, que entrou em campo investindo na força física para tentar parar a equipe rubro-negra. Logo no primeiro minuto, a equipe da casa finalizou, mas mandou a bola muito longe do gol de Magrão. O Juazeirense manteve as investidas contra a meta leonina, mas encontrou o que tradicionalmente encontram os adversários do Leão: o Paredão Rubro-negro, Magrão, bem posicionado e garantindo defesas importantes.

Nos momentos que tinha a posse de bola, o Sport trabalhava passes e tinha pela frente um adversário bastante fechado. O Juazeirense se postava maciçamente no campo de defesa, fechando ao máximo os espaços do Leão. Dessa forma, a equipe da casa tentava colocar pressão no jogo, mas em contrapartida sofria para entrar na área rubro-negra.

O primeiro tempo seguiu nesse ritmo, onde os donos da casa se fechavam na defesa, tentavam uma reação, mas paravam em um Sport atento e pronto para aproveitar a oportunidade que aparecesse. O jogo esquentou ainda mais nos minutos finais do primeiro tempo. Aos 45, após cobrança de escanteio, a bola sobrou para Rogério, que chutou e fez a defesa do Juazeirense trabalhar, ganhando novo escanteio para o Leão. Aos 47, Rogério apareceu pela direita, chutou e o goleiro do Juazeirense precisou fazer milagre. A partida foi para o intervalo empatada em 0 a 0.

Com a reação apresentada no final da primeira etapa do jogo, o Leão voltou para o segundo tempo mais perigoso. O Juazeirense por sua vez mantinha a postura com a defesa fechada e o jogo seguia bem parecido com o que havia sido na primeira metade.

Para tentar mudar a história do jogo, o Sport se colocava mais no ataque e conseguia aproveitar mais os erros do adversário. Como aos 11 minutos, quando a defesa juazeirense vacilou e Marquinhos roubou a bola e por pouco não conseguiu concluir para o gol. Em outra oportunidade, Everton Felipe chutou no cantinho e o goleiro defendeu.

Apesar de jogar em casa, o time do Juazeirense não abria mão da sua postura defensiva. Consequentemente, o Sport passava a trabalhar a bola com quase todo o time no campo do ataque. A partida se aproximava da reta final e o Leão seguia ia ainda mais ao ataque em busca da vitória. Já aos 47, após disputa complicada da bola na área, Lenis conseguiu cruzar para Ronaldo, que cabeceou e mais uma vez o goleiro precisou fazer uma defesa inacreditável.

Até aqui, era de se acreditar que a história deste jogo terminaria em um empate sem gols, mas no último minuto o desfecho tornou-se outro. Rithely deu um lindo passe para Diego Souza e o meia ficou de frente para o goleiro. Com muita frieza e segurança, o camisa 87 rolou a bola para Fábio que finalizou e balançou as redes garantindo a vitória para o Sport por 1 a 0.

Ficha do jogo:
Sport:

Magrão; Samuel Xavier, Durval, Ronaldo Alves, Mansur; Rithely, Ronaldo, Diego Souza; Rogério (Lenis), Everton Felipe (Fábio) e Paulo Henrique (Marquinhos).

Gol:
(30) Fábio

Cartões amarelos:
Ronaldo, Marquinhos e Fábio.

Fonte: Site Oficial

Comentários

Outras notícias