Black Friday Ubannet

30/01/2014 às 23h00m

Sport oficializa demissão de Geninho

Quem primeiro anunciou a saída do treinador foi o vice-presidente de futebol, Sérgio Kano.

A diretoria do Sport entrou na sala de entrevista para anunciar o que se esperava: Geninho foi demitido do cargo de técnico. Quem primeiro anunciou a saída do treinador foi o vice-presidente de futebol, Sérgio Kano. "Depois de uma conversa, chegamos a um entendimento de que não haveria condições da continuidade de um trabalho", declarou o dirigente, afirmando que a sequência de cinco jogos sem vitórias casou o desgaste de Geninho na Ilha do Retiro. Os dirigentes confirmaram que o preparador físico Eduardo Batista e o analista de desempenho Pedro Gama vão comandar os trabalhos visando à partida contra o Náutico, no próximo domingo, na Arena Pernambuco.

Logo depois, o executivo de futebol do clube, Ney Pandolfo, tomou a palavra. Ele declarou que encara com bastante naturalidade a saída do treinador nesse início de temporada e que os dirigentes já estão no mercado em busca do substituto de Geninho. "Sabemos que a nossa torcida é exigente, que cobra bastante. Então, estamos buscando um treinador experiente e que seja vencedor", disse Pandolfo, sem confirmar nomes que já estão sendo especulados pela imprensa: Jorginho, ex-Ponte Preta, e Caio Júnior, ex-Palmeiras. "Só vamos nos pronunciar quando o acerto for feito", completou.

Ney reconhece que a demissão acontece justamente quando a preparação do futebol ainda estava "quebrada". Ou seja, muitos jogadores que estão na Ilha do Retiro ainda não ganharam condições de jogo, seja por questões físicas ou burocráticas (regularização). "A gente respeita bastante o trabalho de Geninho. Não nos arrependemos de ter renovado o contrato, pois ele estava à frente da equipe quando conseguiu o acesso à Primeira Divisão. Mas o futebol é muito rápido e precisávamos tomar uma decisão. Então, achamos melhor mudar agora", declarou.

Sobre a contratação de reforços, Ney Pandolfo declarou que alguns jogadores estão em negociação bastante avançada com o clube. Mas, no entanto, optou por não revelar nome de jogadores. O dirigente sequer quis confirmar a negociação com o meia Renan Oliveira, do Atlético-MG. "O planejamento continua e nossa filosofia de trabalho também. Estamos com alguns nomes praticamente fechados, mas só revelamos quando o acordo for oficializado porque não queremos gerar expectativas".

Com informações do Blog do Torcedor

Comentários

Outras notícias