Black Friday Ubannet

30/01/2014 às 05h42m

Aeronáutica abre concurso para 100 vagas, cargos são de nível médio

Seleção é para arrumador e cozinheiro. As provas escritas serão aplicadas na data provável de 23 de março.

A Aeronáutica abriu concurso para 100 vagas no Curso de Formação de Taifeiros - 30 são para arrumador e 70 são para cozinheiro.

No site da Aeronáutica é possível ver o edital (clique aqui para acessar).
Para participar da seleção, os candidatos devem ser do sexo masculino e ter nível médio completo. Menores de 18 anos devem ser autorizados por um responsável.

As vagas estão distribuídas nas cidades de Belém, Salvador, Belo Horizonte, Lagoa Santa (MG), Rio de Janeiro, São Paulo, São José dos Campos (SP), Brasília, Gama (DF), Boa Vista, Manaus, Porto Velho, São Luís, Natal, Parnamirim (RN), Recife, Campo Grande (MS), Guaratinguetá (SP), Pirassununga (SP), Guarulhos (SP), Canoas (RS), Porto Alegre e Santa Maria (RS).

As inscrições devem ser feitas pelo site www.depens.aer.mil.br de 5 a 18 de fevereiro. A taxa é de R$ 60.
O processo seletivo é composto de exame de escolaridade e de conhecimentos especializados, inspeção de saúde, exame de aptidão psicológica, teste de avaliação do condicionamento físico, análise e conferência dos critérios exigidos e da documentação para a matrícula no curso.

Os candidatos selecionados vão participar do curso, ministrado no Comando Aéreo Regional, com duração de 16 semanas.

Durante o curso, os matriculados vão receber remuneração fixada em lei, alimentação, alojamento, assistência médica e odontológica.

O candidato matriculado no curso passará a ser aluno, em situação de equivalência à graduação de Taifeiro de Segunda Classe. Durante esse período o aluno receberá a remuneração fixada em lei, além de alimentação, alojamento, fardamento, assistência médica e odontológica. As provas escritas serão aplicadas na data provável de 23 de março.

Concurso da Aeronáutica
Inscrições: De 5 a 18 de fevereiro de 2014
Vagas: 100
Salário: não informado
Taxa: R$ 60
Provas: 23 de março

Com informações do G1 PE

Comentários

Outras notícias