Black Friday Ubannet

21/01/2014 às 15h47m

Operação da PF desarticula quadrilha especializada em crimes previdenciários

Cerca de 100 policiais federais participaram da operação, que foi realizada em Recife, Olinda e outras localidades da RMR.

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta terça-feira (21) a Operação Aquário, ação que desarticulou uma organização criminosa especializada na obtenção de benefícios sociais por meio de fraudes.

Segundo informações da PF, a quadrilha atuava na obtenção benefícios na Previdência Social, como o de Amparo ao Idoso e o de Amparo à Pessoa Portadora de Deficiência, por meio atestados médicos e documentos falsos. Outros crimes cometidos pelos integrantes da quadrilha foram estelionato, corrupção passiva, peculato e associação criminosa.

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) calcula um prejuízo de R$ 2.486.477,03 (cerca de R$ 2,5 milhões) aos cofres públicos com a concessão dos benefícios indevidos.

A OPERAÇÃO - O nome Aquário é uma referência ao bairro de Peixinhos, em Olinda, região onde mora a maioria dos envolvidos. O trabalho é fruto de uma força tarefa previdenciária composta pela Polícia Federal e a Assessoria de Pesquisas Estratégicas e Gerenciamento de Riscos da Previdência Social (APEGR). O Serviço de Saúde do Trabalhador do INSS também auxiliou nas apurações. Cerca de 100 policiais federais cumpriram 12 mandados de busca e apreensão e 20 mandados de condução coercitiva nas cidades de Recife, Olinda e e outras localidades da Região Metropolitana.


Com informações do NE10

Foto: Polícia Federal / Divulgação

Comentários

Outras notícias