GB Bateiras

13/01/2015 às 08h16m - Atualizado em 13/01/2015 às 11h02m

Mulher entrega granadas, estojo de canhão e simulacro na Polícia Federal

Armas possuem alto poder de destruição, podendo afetar até tanques de guerra

Uma mulher entregou duas granadas de morteiro, um estojo de canhão de 106mm e um simulacro torpedo na última sexta-feira (9), na Campanha do Desarmamento da Polícia Federal. Esta é a primeira vez em 2015 que são entregues artefatos explosivos.

A mulher, que mora no bairro de Piedade, em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife, informou que os materiais pertenciam ao marido dela, ex-militar, que teria morrido.

De acordo com a PF, as armas possuem alto poder de destruição, podendo afetar até tanques de guerra. Os artefatos serão analisados por peritos criminais federais do grupo antibombas da PF e serão encaminhados para o Exército ou Companhia Independente de Operações Especiais (Cioe) para destruição.

Quem tiver granadas deve ligar para os números 2129-6295 ou 190 para que os militares possam retirar o explosivo do local. Segundo a PF, em 2014 foram entregues dez artefatos explosivos (ogivas, granadas de morteiro e de mão, além de munição de grosso calibre).

Comentários

Outras notícias