08/01/2016 às 11h39m

Recife: Assalto a policial aposentado acaba com tiros e morte na Av. Boa Viagem

Ocorrência teve início em Piedade, Jaboatão dos Guararapes, na RMR. Policiais perseguiram assaltantes e alcançaram o trio na Zona Sul do Recife.

Perseguição termina com morte na Avenida Boa Viagem (Foto: Pedro Lins/TV Globo)Perseguição termina com morte na Avenida Boa Viagem

O assalto a um perito criminal aposentado da Polícia Civil acabou com tiroteio, colisão de carros e um assaltante morto na Avenida Boa Viagem na noite da última quinta (7). O roubo do carro do policial aconteceu em Piedade, Jaboatão dos Guararapes, na RMR, mas o trio de suspeitos só foi alcançado por policiais na altura do cruzamento com a Rua Baltazar Passos, em Boa Viagem.

Segundo informações do 6º Batalhão da Polícia Militar (BPM), o perito foi abordado na porta de casa por três suspeitos pouco depois das 19h e teve o carro roubado. Em casa no momento do assalto, o enteado do policial, de 32 anos, tentou fugir, mas acabou acabou baleado nas nádegas.

Ao notarem a movimentação suspeita, policiais do 6º BPM que faziam ronda nas proximidades perseguiram o carro conduzido pelos assaltantes até a Avenida Boa Viagem, na Zona Sul do Recife. Ao passarem pelo Parque Dona Lindu, os PMs trocaram tiros com os bandidos. Durante a confusão, os dois carros colidiram e ainda causaram engavetamento entre outros três veículos. Um dos três assaltantes morreu no local, outro criminoso foi preso e um terceiro fugiu com uma arma.

De acordo com o delegado João Brito Alves, o suspeito preso foi levado ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e uma arma foi apreendida. O enteado do perito foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Barra de Jangada e ainda não há informações sobre o estado de saúde dele.

A psicóloga Virgínia Casé ainda se recupera do susto. Os carros da poícia e dos suspeitos se envolveram em uma colisão deixando o carro dela no meio. "Aí começou a troca de tiros. Como eu estava no meio, para não ser baleada, pulei para o banco do passageiro e corri para a praia. Nasci de novo. Na hora foi um impulso. Além de passar entre os tiros eu ainda corri o risco de ser atropelada pelos carros que estavam vindo", relata.


As informações são do G1 Pernambuco
Foto: Pedro Lins/TV Globo

Comentários

Outras notícias