Black Friday Ubannet

05/01/2019 às 07h32m - Atualizado em 05/01/2019 às 08h19m

Pernambucano é preso em flagrante por tentativa de estupro e aliciamento de menina de 11 anos em Maceió

Genival Cavalcante de Andrade ofereceu dinheiro para menina enquanto ela esperava a escola abrir.

estupro_8 

Um homem foi preso, na início da noite desta sexta-feira (4), suspeito de aliciar uma criança de 11 anos, em frente a Escola Municipal Otávio Brandão, no bairro Clima Bom, em Maceió. A vítima informou ao Batalhão de Polícia Escolar (BPEsc) que o acusado chegou a ameaçá-la de estupro. 

Ainda de acordo com os militares, a menina relatou que estava na porta da escola esperando o portão abrir quando foi surpreendida pelo suspeito, identificado como Genival Cavalcante de Andrade, de 49 anos. Na ocasião, o acusado entregou um cartão, com o nome e o número de telefone dele escrito, e mais R$ 50 e pediu que ela entrasse em contato.

A vítima contou à polícia que Genival disse que se ela quisesse o dinheiro bastava ligar e, se não o fizesse, ele a estupraria do mesmo jeito. Logo depois, a menina entrou na escola e denunciou o acontecido para uma professora, que informou a diretora. A direção da escola acionou a guarnição para a ocorrência. 

Militares do Batalhão de Polícia Escolar explicaram que após tomar conhecimento do crime, foram ao local e ficaram de campana, aguardando o acusado abordar alguma criança. Minutos depois, os militares flagram Genival se aproximando de uma menina, de 11 anos. 

Nesse momento, conforme a vítima relatou à polícia, Genival perguntou porque ela não ligou para ele. Assustada, ela respondeu que não tinha um aparelho celular e, segundo a polícia, nesse momento, o suspeito tentou levar a criança com ele. 

Ao perceber a ação, a guarnição foi até o acusado e realizou a abordagem. No bolso dele, foram encontrados cartões e dinheiro que seria oferecido às vítimas. Para comprovar a ação, a polícia ligou para o número escrito no papel e a chamada foi recebida no celular de Genival. 

Além disso, na carteira, foram localizados outros cartões com o mesmo número e um com o nome Guilherme. 

O conselho tutelar foi acionado e informou que todos os procedimentos necessários estão sendo realizados para que a vítima possa viver com tranquilidade na escola. Genival é de Arcoverde, em Pernambuco, e, segundo a polícia, está em Alagoas há um mês. De acordo com os conselheiros, o acusado estava morando em frente a escola e a suspeita é que esta não seja a primeira vez que Genival tenha aliciado uma criança. 

O suspeito foi encaminhado para a Central de Flagrantes I, no bairro Farol, para a realização dos procedimentos cabíveis. A menina de 11 anos também foi conduzida à delegacia para ser ouvida pelo delegado responsável. A Polícia Civil (PC) irá investigar o caso.

Comentários

Outras notícias